Uma emenda ao Projeto de Lei 5.012/2018, de autoria do deputado Tadeu Martins Leite, do MDB, que autoriza a repactuação e concessão de descontos para os produtores rurais com dívidas junto ao Banco de Desenvolvimento do Estado de Minas Gerais (BDMG), que atuem em áreas atingidas pela seca no Norte de Minas, Vales do Jequitinhonha e Mucuri, entra em vigor após o veto do governador Fernando Pimentel, do PT, ter sido derrubado no Plenário da Assembleia Legislativa, nesta semana.

“Esta medida pode beneficiar mais de mil produtores rurais que encontram sérias dificuldades para pagar financiamentos contraídos junto ao banco, em decorrência das perdas e prejuízos causados pela seca nas três regiões”, explica do deputado Tadeuzinho. “Está mudança que aprovamos dá ao Governo de Minas a oportunidade de conceder aos produtores do semi-árido mineiro as mesmas condições de pagamento dadas aos produtores nordestinos com dívidas contraídas junto aos bancos públicos federais, através da Lei 13340”, comemorou o parlamentar.