Entre os dias 8 e 14 de março, a ala materno-infantil da Santa Casa de Montes Claros promoveu ações de conscientização sobre violência obstétrica, em alusão a Semana Estadual de Combate a Violência Obstétrica. A gerente da ala materno-infantil do hospital, Cristiane Câmara, explica que foram desenvolvidas atividades com cunho informativo sobre o tema dentro da Instituição para diversos públicos.

"Ao contrário do que muitos pensam, é considerado violência obstétrica a violência seja ela através de verbalização de opiniões ou atitudes que as mulheres são expostas durante a gestação, em trabalho de parto, em situação de abortamento ou no período do puerpério praticado não só por profissionais que a atendem quando a mesma busca por um serviço de saúde, seja ele hospitalar ou não, mas também por pessoas próximas às parturientes", diz.