A Ouvidoria-Geral do Estado abriu, no dia 20 de fevereiro, novo canal para o recebimento de denúncias sobre atos lesivos ao patrimônio estadual e à administração pública de Minas Gerais. Em 15 dias de atendimento, a OGE registrou 14 denúncias, sendo sete de corrupção passiva, três de fraude em licitação, três de fraude em contrato e uma de vantagem indevida.

As manifestações chegam até a Ouvidoria pelo e-mail específico e por todos os outros canais de interlocução entre o cidadão e o Estado. O atendimento faz uma triagem e encaminha as denúncias para a Ouvidoria Especializada de Fazenda, que envia para a Controladoria Geral do Estado (CGE), onde são apuradas. No caso de denúncias que envolvem as Polícias Militar e Civil e o Corpo de Bombeiros, as demandas são destinadas às corregedorias de cada corporação.