Se depender da Câmara Municipal, a licitação aberta pelo Município para a escolha das empresas que vão explorar o transporte coletivo urbano nos próximos 20 anos, em Montes Claros, será limpa e transparente. É que, depois da audiência pública realizada no Plenário do Legislativo, semana passada, em que se discutiu sobre a situação do setor e foram apresentadas denúncias de suspeitas de irregularidades na licitação, a Comissão de Licitação da Casa anunciou que vai acompanhá-la de perto com o objetivo de apurá-las e se inteirar de todos os detalhes. O promotor Felipe Caires, Curador de Defesa do Consumidor, também prometeu investigá-las.

A necessidade de acompanhar atentamente o processo foi externada pelo vereador Ildeu Maia, do PP, nessa sexta-feira à tarde, ao participar do Programa Na Corda Bamba, na Rádio Terra-AM. O experiente político, eleito nas eleições de 2016 para cumprir o sétimo mandato consecutivo à Câmara Municipal, abordou sobre a questão, considerada fundamental para a população da cidade, pelo fato de ter repercussão geral na vida do cidadão, porque todo mundo depende direta ou indiretamente do transporte coletivo urbano.