FESTA - Depois de dez anos sem participar de festivais folclóricos internacionais, o Grupo Banzé voltará a se apresentar. Desta vez na Grécia, para aonde o grupo seguirá no dia três julho e voltará no dia 23, depois de apresentações em três grandes cidades, participação de oficinas e desfiles no meio do povo grego. A última vez que o Banzé participou de um festival internacional foi em 2010. Com coordenação da lendária Zezé Colares, Montes Claros recebeu dez festivais folclóricos internacionais.

MARUJO - Agora tendo à frente o jovem Gustavo Colares (FOTO), neto de Zezé Colares, o Banzé seguirá ao território berço da civilização com 28 pessoas, cujas passagens estão orçadas em 112 mil reais e ainda necessitando de mais 20 mil reais para manutenção de instrumentos e despesas extras. A ajuda pode ser feita em depósito em conta do Grupo Banzé: Banco 750 (Credinor), Agência 3144, conta número 25561-0.

CABOCLO - Anda continua muito difícil manter cultura no país, ainda mais quando é para participar de um festival internacional. O Grupo Banzé será o único do Brasil a participar deste festival na Grécia. Muitos participantes estão assumindo as próprias despesas, mas há quem não possa fazer isso. Para angariar recursos, o Grupo fez shows em Montes Claros, mas mesmo com presença do público em massa, os valores arrecadados ficam abaixo das despesas. Na última apresentação, no Automóvel Clube, na semana passada, ainda roubaram um bumbo que estava no carro de um dos integrantes, ampliando o prejuízo. É difícil.